bariátrica

Bariátrica: cuidados no pós-operatório

A cirurgia bariátrica é uma das principais alternativas de tratamento para a obesidade, trazendo uma série de benefícios para quem a realiza. Porém, o sucesso do procedimento depende do comprometimento do paciente em seguir todos os cuidados necessários após a cirurgia. 

Neste sentido, você sabe quais são as medidas exigidas no pós-operatório? Caso pretenda realizar esta cirurgia, você precisa conhecê-las. Então, continue a leitura do post e descubra tudo sobre esses cuidados.

O acompanhamento médico no pós-operatório da cirurgia bariátrica

O acompanhamento médico faz parte de todas as etapas que envolvem a realização da cirurgia bariátrica, tanto no pré quanto no pós-operatório. Existe uma equipe multidisciplinar que irá orientar e avaliar o paciente durante todas as etapas que envolvem o procedimento.

 Entre os profissionais que formam essa equipe estão psicólogos, nutricionistas, endocrinologistas, educadores físicos e cirurgiões. Essa atuação conjunta facilita a readaptação do paciente, tornando a sua recuperação mais rápida.

Ademais, o acompanhamento médico também evita ou minimiza os possíveis efeitos colaterais das alterações promovidas pela cirurgia bariátrica. Esse é o caso da anemia, dos distúrbios metabólicos, deficiência de vitaminas e perda de massa óssea.

Além disso, esses especialistas motivam o paciente a aderir às orientações médicas, fazendo com que mude o seu estilo de vida. Em função de toda a complexidade desse tratamento, o acompanhamento médico deve ser mantido por toda a vida.

Uso de medicamentos

Durante o pós-operatório, os médicos prescrevem diferentes medicamentos, como os analgésicos para aliviar as dores e os antiácidos líquidos para reduzir a formação de úlceras no estômago. 

Além disso, deve-se evitar o uso de determinados anti-inflamatórios e pode não haver a mesma absorção de alguns medicamentos e anticoncepcionais, reduzindo sua eficácia. Por isso, converse com seu médico.

Acompanhamento psicológico após a bariátrica

Geralmente, a obesidade é uma condição decorrente da compulsão alimentar, um transtorno que tem origem psicológica. Por isso, o acompanhamento com um psicólogo é de extrema importância para o sucesso da cirurgia.

No pré-operatório, esse acompanhamento busca preparar o paciente para as mudanças que ocorrerão no seu organismo. No pós-operatório, esse profissional irá ajudá-lo a controlar a vontade de comer e motivá-lo a mudar o seu estilo de vida. 

Realização de exercícios físicos

A prática de exercícios físicos também é fundamental para que o paciente atinja a perda de peso desejada. Geralmente, ela deve ser iniciada ainda durante a internação hospitalar, após a cirurgia. O paciente também pode receber a indicação médica para a realização de fisioterapia.

Mudanças na alimentação

A cirurgia bariátrica promove uma grande redução no tamanho do estômago, reduzindo sua capacidade de armazenamento. Por isso, o paciente precisa mudar os seus hábitos alimentares. 

Assim, será necessário passar por uma dieta pós-operatória nos 30 primeiros dias. Posteriormente, com o devido acompanhamento nutricional, o paciente precisará diminuir o consumo de gorduras e açúcares, além da quantidade de alimentos ingeridos diariamente. 

Enfim, essas são as principais recomendações pós-operatórias da cirurgia bariátrica. Porém, não se preocupe, todas essas orientações serão repassadas pela equipe médica ainda no pré-operatório.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião em Belo Horizonte! 

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp