hérnia

Como prevenir o aparecimento das hérnias

A hérnia é uma protuberância que se forma em alguma parte do corpo. As mais comuns surgem na região abdominal, como as hérnias inguinal e epigástrica. O enfraquecimento ou lesões da parede abdominal favorecem o surgimento de hérnias. Nessas condições, o esforço físico, obesidade, gravidez e a constipação crônica podem gerar algum tipo de hérnia.  

A hérnia também pode surgir em consequência de anormalidades no processo de cicatrização cirúrgica ou pode ser congênita, ou seja, ocorre antes do nascimento. O aumento da próstata e a fibrose cística são outras causas de hérnias.  Outro tipo frequente é a hérnia de disco, que atinge a coluna vertebral.

Tipos de hérnias

  1. Hérnia inguinal: A maioria das hérnias abdominais surge na região da virilha. Além do incômodo físico, a hérnia inguinal pode causar dor mais intensa quando a pessoa faz exercícios físicos, levanta peso, tosse forte ou no momento da evacuação.
  2. Hérnia femoral: Esse tipo de hérnia é projetada através de um ponto mais frágil do canal femoral, ficando aparente na coxa da pessoa.
  3. Hérnia de hiato: Corresponde à projeção de um segmento do estômago, através do diafragma, penetrando uma abertura do esôfago, denominada hiato esofágico. Uma das consequências é o refluxo gastroesofágico, além de outros sintomas como dificuldade para deglutir alimentos sólidos, azia, arroto e mau hálito.
  4. Hérnia umbilical: Surge quando a cicatriz umbilical não fecha normalmente. Pode ser um defeito congênito ou ocorrer em alguma fase da vida.
  5. Hérnia epigástrica: Aparece acima do umbigo, na linha mediana da região abdominal. A criança pode nascer com essa hérnia ou ela pode surgir ao longo do tempo, em consequência de esforço físico, por exemplo.
  6. Hérnia incisional: É uma consequência de anormalidades de cicatrizes cirúrgicas na região do abdômen.
  7. Hérnia de disco: Ocorre quando o disco intervertebral (situado entre uma vértebra e outra) é achatado e sai do lugar, atingido raízes nervosas e, consequentemente, causando dores nas costas e dificuldade para movimentar a coluna.

6 dicas para prevenir hérnias

  1. Evitar o carregamento de peso: O hábito de levantar e carregar peso pode gerar uma hérnia, principalmente em pessoas que não estão em plena forma física. Se a musculatura e demais tecidos da cavidade abdominal estiverem enfraquecidos, há uma grande chance de surgir algum tipo de hérnia.
  2. Tratar a constipação crônica: Fazer muito esforço para evacuar é outro fator de risco para o surgimento de uma hérnia. Por isso, é importante buscar tratamento para regularizar o funcionamento do intestino.
  3. Praticar atividades físicas sob orientação profissional: A prática de exercícios físicos é importante para fortalecer a musculatura na cavidade abdominal, mantendo os órgãos nos lugares certos. No entanto, as atividades devem ser orientadas por um profissional de educação física.
  4. Buscar tratamento para a obesidade: Esse é outro fator de risco para o desenvolvimento de hérnias. A obesidade enfraquece a parede abdominal e aperta órgãos internos. A pressão pode forçar alguma parte, como a alça do estômago e a cavidade abdominal, formando a hérnia. Portanto, esta é uma das razões para tratar a obesidade o mais cedo possível.
  5. Correção postural: A correção postural e todos os demais cuidados com a coluna vertebral são necessários para prevenir a hérnia de disco. Com exercícios de fisioterapia também é possível melhorar a estabilidade da coluna e fortalecer músculos.
  6. Fazer o check-up médico anual: Fazer consulta médica, pelo menos, uma vez ao ano é importante para prevenir vários problemas de saúde, entre os quais as hérnias. O médico tem condições para analisar o físico do paciente e identificar, através de exames clínicos, laboratoriais e de imagem, condições que favorecem o surgimento de hérnias.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre esse assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião em Belo Horizonte!

Comentários
Avatar

Posted by Dr. Diego Paim