fígado

A importância e função do fígado para o organismo

O fígado é considerado um dos maiores órgãos do corpo humano, possuindo cerca de 20 cm de largura e pesando, em média, 1,5 kg. Ele se localiza na parte superior direita da cavidade abdominal — logo abaixo do diafragma — e é vital para a sobrevivência.

A coloração do órgão é marrom avermelhada e ele apresenta uma superfície lisa, sendo subdivido em quatro lobos: direito, esquerdo, caudado e quadrado. Cada lobo é composto por uma variedade de células, conhecidas como hepatócitos.

Além disso, ele também é responsável por uma grande quantidade de funções no organismo e tem o alto poder de regeneração como uma de suas características mais interessantes, capaz de recuperar seu tamanho normal mesmo após ter metade do seu volume retirado.

Funções do fígado

Como já foi dito acima, ele é um órgão vital que realiza uma série de funções no organismo e, por isso, é fundamental para a saúde, para o bem-estar e para a qualidade de vida do ser humano.

Uma de suas principais funções é a formação e secreção da bile — que atua como uma espécie de detergente natural do nosso corpo —, uma vez que seu papel é converter produtos tóxicos, eliminar gorduras e micróbios, neutralizar a acidez do estômago e transportar toxinas para fora do corpo.

Diariamente, o órgão produz cerca de 500 a 1000 ml de bile, que são armazenados na vesícula biliar. Essa produção acontece de maneira constante e é aumentada após as refeições.

Além disso, ele também exerce um papel extremamente importante no processo de digestão, sendo capaz de:

  • Transformar a galactose e a frutose em glicose para ser utilizada como fonte de energia;
  • Armazenar as vitaminas lipossolúveis e os minerais;
  • Transformar as proteínas em aminoácidos;
  • Armazenar o glicogênio e transformá-lo em glicose;
  • Filtrar o sangue, transportando as toxinas que devem ser eliminadas para os rins.

O órgão também desempenha outras funções que são extremamente importantes para o organismo, algumas delas, são:

  • Conversão de amônia em ureia;
  • Produção de gorduras;
  • Distribuição de hemácias velhas ou anormais;
  • Armazenamento das vitaminas A, B12, D e E;
  • Síntese do colesterol, entre outras.

Qual a importância deste órgão para o organismo?

Por estar ligado a diversos processos vitais e realizar todas essas funções que foram citadas, fica bastante evidente o tamanho da importância do órgão para o nosso organismo.

Isso porque, sem ele, o nosso organismo jamais funcionaria plenamente. Tanto que quando ele é danificado gravemente por alguma doença ou é retirado por meio de um processo cirúrgico, pode causar morte em poucas horas, levando os outros órgãos à falência.

Doenças que podem atingir o fígado

Devido aos maus hábitos alimentares, principalmente nos dias atuais, o órgão tem sido bastante prejudicado e, com isso, o número de pessoas que apresentam doenças neste órgão vem crescendo.

Doenças como a hepatite, que costuma ser causada por vírus, podem ser o início de problemas mais graves como a cirrose hepática ou o câncer, por exemplo.

O consumo excessivo de álcool é um grande vilão deste órgão, uma vez que a bebida agride as células hepáticas e, com o passar do tempo, gera cicatrizes no tecido, o que consequentemente acaba formando a cirrose hepática. 

Esta que, se for muito avançada, faz com que o fígado perca seu funcionamento aos poucos, podendo levar o paciente a óbito ou fazer com que ele precise de um transporte hepático.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião em Belo Horizonte!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp